quarta-feira, junho 19, 2019
365 Dicas Terapêuticas

Sem máscaras, de ténis, comendo gelado em uma sexta qualquer – 87/365

140views

Teve dias que coloquei o meu melhor terno e com cuidado fiz o nó delicadamente na minha gravata italiana que combinava com meus sapatos lustrados, pegava a minha pasta e me dirigia para o trabalho! Com gel no cabelo, barba bem feita e um sorriso impressionante espalhava bom dia a todos e “queria” apenas vender a imagem de bom homem e pessoa feliz!

Mesmo o tendo feito centenas de vezes e vivido bons momentos, um dia decidi viver sem máscaras.

O que eu gosto? Quer saber o que eu gosto mesmo? De uma calça de ganga, ténis coloridos, camiseta preta e paz! Gosto de numa sexta feira qualquer colocar uma roupa confortável depois de um belo banho quente e sair de casa sem máscaras!

Troquei a pasta de couro pela mochila, o sapato lustrado pelo ténis verde limão (ou) pelo laranja que amo tanto e ao invés de sorrir para todos os lados, apenas escolho as músicas certas, aumento o som e vou trabalhar ao embalo das músicas que gosto!

Às vezes da minha casa para o instituto, esbarro com olhares fortes e talvez “só talvez” alguns estão pensando… Ops! Desculpa! Na verdade, lembrei agora que passei desta fase e não me importo o que os outros estão pensando! Continuando….

A vida é mesmo algo mágico, mas ela não oferece garantias! Não oferece nenhuma garantia e penso que deve saber disso! Porém ela oferece algo bem melhor! Gelado de Pistácio! Não sei se já experimentou? Meu Deus!!! Adoroooo! Amo gelado de pistácio! Na frente da Torre Eiffel tinha um quiosque com o melhor gelado de pistácio que já vi e agora em março fui lá todo entusiasmado e estão em obras na frente da torre e não estavam lá! Mas ok! Tudo bem!

Adoro em uma sexta qualquer viver o dia como terça-feira! E se neste momento está se perguntando como é viver a sexta como se fosse segunda, digo que a melhor maneira de explicar é dizendo que é como viver o domingo em uma segunda-feira chuvosa! Entendeu? (risos). Estou chegando à conclusão que hoje estou MESMO divertido! Hahahaha!

O que quero dizer é que devemos viver todos os dias como se fossem o melhor dia e se parar para pensar é mesmo e sabe porquê?! Porque se não vivermos assim sem máscaras com o nosso gelado preferido, usando a roupa que mais desejarmos, como devemos viver? (pre)ocupados, reclamando, chorando, acusando, esperando que o mundo se ajuste às (nossas) necessidades e um dia acordemos felizes? Rindo alto!!!

Minha dica terapêutica hoje é simples, “porém” profunda e libertadora!
Viva a sua vida, na melhor versão e por favor pare de se preocupar com a grama do vizinho! Ela só é mais verde, porque olha mais tempo para ela do que para sua! Se começar a (cuidar) mais da sua, uma coisa simples acontece – Ela começa a se transformar e se tiver aí pensando como? Sugiro que busque ajuda profissional! Agora se compreendeu, então comece a cuidar da sua grama agora, nos próximos 60 segundos.

Nestes anos tenho visto muitas pessoas afirmando que a vida deveria ser assim e que seria melhor se….Mas o que estas mesmas pessoas não perceberam é que a vida não se transforma como um passe de mágica! Nós é que a transformamos!

Já temos a cartola e a varinha mágica! A questão aqui é se acreditamos que conseguimos fazer magia ou se vamos continuar acreditando que ela não existe e que a vida é dura, difícil, descompensada e triste e por aí vai….

Eu vou aproveitar a minha sexta como aproveitei a terça e espero que você também junte-se a mim e viva livremente e por falar nisso…. Vou em busca de um gelado de pistácio! Até amanhã!

Share

Comente

comments