86.400 SEGUNDOS

0
1049

Contribuição|Pense Bem|Apenas mais uma Reflexão|Eric Pereira|

Hoje vou começar bem cedo a contribuição, pois como devem saber estou no Porto em formação de Coaching. Afinal temos que estar em constante aprendizagem, né? E quero falar dos Oitenta e Seis mil e Quatrocentos Segundos que você tem em 24 horas de um dia, mas especificamente, quero falar da sexta-feira e se prestar atenção compreenda “O porquê da sexta-feira”.

Temos 86.400 segundos todos os dias, mas vamos ser mais realistas nesta contribuição, compreendendo que acordo por volta das 7h e durmo por volta das 0:00h, tenho 17 horas e aqui estamos fazendo um “aproximado”. Estou falando de mim, que muitas vezes acordo às 6h. Mas seguindo a linha de raciocínio, se tenho à minha disposição, mais ou menos 17 horas por dia, tenho então 61.200 segundos à minha disposição.

Bom, espero que até aqui possamos estar de acordo, até porque é matemática e não temos muito o que contestar… Mas podemos SIMSIM, contestar o que estamos fazendo com estes mais de 60 mil minutos que temos à disposição e você pode perguntar o que a sexta-feira tem de especial neste raciocínio e digo: TUDO!

Pois se “já” desperdiçamos tempo todos os dias (Penso Eu), na sexta-feira desperdiçamos muito, muito, muito mais. Pois parte das pessoas não estão na sexta-feira, ou seja, não estão no dia de hoje, mas vivendo o final de semana que “ainda” nem chegou e não estando aqui desperdiçam muito mais tempo!

E sei que existirão aqueles que vão contestar e vão dizer que vivem cada segundo do seu tempo e fico mesmo feliz e lhe dou os parabéns! E para todos os outros que não vão perder seus segundos contestando, vamos continuar o raciocínio, ok?

Já me disseram que a maneira como eu vejo a vida, o tanto que trabalho, parece que não vivo uma boa vida porque jamais tenho tempo para outras coisas. Quem pensa assim está MESMO enganado, pois como já disse várias vezes eu não trabalho, me divirto, pois amo mesmo o que faço e nesta diversão toda contribuo com este grupo diariamente, escrevo artigos, gravo áudios, faço palestras, escrevo meu livro, construo estratégias para clientes via Skype (Quase todos os dias), tenho reuniões na minha agência de Negócios (Diálogos e Palestras) e ainda namoro com minha esposa, vejo filmes, vou ao cinema todas as semanas, ouço músicas, assisto uma palestra por dia (Todos os dias) online, leio e faço tantas outras coisas, como cozinhar! (Rindooo).

Claro que não uso nenhum tipo de magica invisível para meu tempo render mais que o seu! Isso tenho certeza que já sabia. A única coisa que faço é planejar e multiplicar meu tempo. Ficou confuso? Calma..Vou explicar!

Planejo a minha semana e procuro fazer ela de maneira que “minhas prioridades” estejam ali. Aprendi a utilizar duas coisas muito importantes, uma é a agenda que está ligada ao meu celular, computador e relógio e multiplico meu tempo, pois tenho uma equipe que cuida de coisas fundamentais para a minha vida fluir e que eu possa mergulhar horas em meus artigos, horas nas dores emocionais de meus clientes.

Aprendi com um grande amigo que “DISCIPLINA” não é a maior palavra ou a mais bonita, mas sem nenhuma dúvida é a mais importante de todas elas! E depois (Como um bom aluno), experimentei esta palavra de todas as maneiras e percebi que aliada ao tempo, ou melhor a saber usar o tempo ela se tornava uma daquelas PALAVRAS PODEROSAS usadas por pessoas de sucesso!!!

Eu preciso ir para a sala de aula e hoje sei que minha sexta-feira “quase” toda será focada em ouvir sobre Coaching, palavras poderosas, maneiras de ajudar os meus clientes, exercícios práticos, tarefas em grupo e outras dezenas de situações que estarei MESMO atento. Depois disso ainda terei um jantar e minha agenda me diz que preciso responder a e-mails que minha Gerente Cristina Câmara já teve o cuidado de colocar este “alerta” para as 23h, pois sabe que será aproximadamente quando já estarei livre.

Resumo? Aprenda a suar os seus mais de 60 mil segundos diariamente e quem sabe aos poucos perceberá que os que usam melhor o seu tempo são sempre mais felizes! Saber usá-los, implica também em “onde usá-los”, mas este é tema fica para outro dia ou quem sabe para uma Live!

Comente

comments