Posts

Era uma Vez…

Num castelo distante, numa cidade encantada, vivia lá uma princesa! Com seus lindos cabelos longos e criadas cuidando dela. Diariamente ela passeava pelo jardim, cheirando as rosas e aproveitando o agradável clima que era sempre delicioso, tropical e as nuvens raramente se faziam presentes….

Esta princesa esperava o seu príncipe, que, com certeza, chegaria um dia montado no seu cavalo branco, vestindo um lindo traje branco com toques dourados e uma bela capa clarinha….

Okok!

Sabemos como estas histórias acabam, né? “…E eles foram felizes para sempre!” Sempre achei lindo histórias que acabam com todos feliz, música emocionante e lágrimas a rolar, mas…. (às vezes tem um mas, né?) mas nem sempre as histórias são assim! Às vezes depois do foram felizes para sempre, vieram filhos, alguém perdeu o emprego, entrou em depressão ou teve uma crise de ansiedade….rs

A dica terapêutica de hoje é sobre histórias lindas e realidades autênticas. Não quero (jamais) destruir a sua ideia de vida perfeita, mas sim mostrar que podemos viver dentro de uma realidade linda e fazer o melhor com o que temos, sem ter que esperar o príncipe encantado de cavalo branco chegar, entende?

Esta semana no meu consultório de Lisboa, uma cliente me disse que sofria pois não vivia a vida perfeita. Fiquei muito curioso com o que seria “a vida perfeita”? Ela respondeu: “Acordar de manhã e a mesa do pequeno almoço ter sido colocada pelo meu marido, ter frutas e ovos mexidos, meus 2 filhos estarem na mesa comendo e falando sobre como vai ser o dia deles…”. No momento fui ouvindo aquilo e lembrando daqueles comerciais de televisão de margarina, sabe? Já assistiram algum? A música, o cenário, as pessoas… Tudo lindo, perfeito e bem construído para dizer para a sua mente que ao comer “aquela” margarina a felicidade e harmonia se farão presentes. Rssss

Não estou dizendo que este cenário não pode existir na sua vida, no seu lar! Atenção! Apenas estou dizendo que pode ser feliz sem ter que idealizar o cenário perfeito! Pode acordar, tomar um belo banho, já no chuveiro fazer uma bela mentalização que o dia será perfeito e ir preparar o pequeno almoço ao som de uma bela música! Se tiver o mínimo de organização, pode ter sempre ovos mexidos em casa e frutas.

As pessoas não fazem muitas coisas, não é porque não podem fazer, mas porque o “fazer” às vezes as tira da sua preciosa zona de conforto e elas preferem ficar onde estão reclamando, do que ir e fazer! Eu acordo todo os dias antes das 6h da manhã e quando falo isso alguns levantam a sobrancelha, espantados, outros até perguntam se estou louco! Hahahahaha!

Mas adoro! Já no banho estou idealizando meu dia, depois é fone de ouvido e música, enquanto preparo o meu café e gosto mesmo de deste ritmo assim tranquilo de manhã. Acredite que este momento é mega importante para eu carregar as minhas baterias e organizar todo o meu dia!

Histórias lindas e perfeitas são realmente para arrancar lágrimas e nos fazer sentir bem, agora se deseja que elas se repitam em sua vida, ok! Faça por isso! Mas lembre-se que não pode querer que todos façam exatamente o que quer! As pessoas têm vida própria e elas agem de acordo com as suas próprias emoções! Não posso forçar os meus filhos a sorrir à mesa do café para satisfazer uma vontade minha, entendeu?

Faça a sua parte e com os recursos que possui, com a sua realidade atual e pode SIMSIM fazer com que esta realidade seja uma feliz realidade! Construa a sua própria história e deixe que ela seja mesmo encantadora, cheia de beleza e possa até te emocionar, mas não cruze (por favor) os braços esperando que o príncipe encantado entre pelos portões da sua vida em seu estiloso cavalo branco.

Construa com sabedoria a sua vida, as suas histórias e lembre-se que esperar pelo o momento ideal é assumir que está adiando a sua felicidade, deixando para depois e acredito que “até” pode ser mais cómodo esperar que a felicidade venha até nós, porém abandonar a zona de conforto e ir MESMO além, fará “A” diferença na sua vida e como sei disso? Diariamente faço a diferença em vida e na vida de 5, 6 pessoas por dia em meu consultório!

Então, “Era uma Vez uma pessoa que leu uma dica terapêutica e respirou fundo e disse para si mesma que naquele dia começaria a escrever a sua história e que ela não teria apenas um final feliz, ela teria vários momentos felizes, começando agora!”

#dicaterapêutica #ericpereira #hipnose #coaching #pnl #resultado#umpensamento

Share

[POdcast] Escolha melhor as suas companhias

assinatura-3

Sou Coach, Manager e Hipnoterapeuta com Certificação Internacional pela The Milton H. Erickson Foundation Phoenix – Teaching Division – The Institute For Traumas Release Therapy And Global Institute For Trauma Resolution Accredited By The American Board of Hypnotherapy.

Master Practitioner por The Society Of Neuro Linguistc Programming EUA por Richard Bandler;

Coaching Clinic pela Corporate Coach U; Mindfulness and Trance com Stephen Gilligan e X – Change: Walking in Both Worlds com Stephen Gilligan e Bernd Isert pelo Metaforum Internacional.

Co-fundador da Terapias.Clinic® com sede no Funchal – ilha da Madeira, Sócio-Diretor da empresa Precious Minutes – Formação Profissional, Lda que possui como marcas principais a Plataforma de Ensino a Distância IFO, a Plataforma de Áudio Terapia e a escola Certamente.pt

CEO da Agência de Negócios Diálogos e Palestras que atua em Portugal, França e Itália.

Share

Hipnose NÃO Funciona

“TALVEZ A MULHER QUE ESTAVA SENTADA DIANTE DE MIM, EM MEU CONSULTÓRIO, TIVESSE ESPERANDO OUTRA RESPOSTA, MAS COMO PROFISSIONAL SÓ PODERIA DIZER QUE A HIPNOSE NÃO FUNCIONA PARA PESSOAS QUE PENSAM QUE VOU ESTALAR OS DEDOS E ELAS VÃO DORMIR E, 5 MINUTOS DEPOIS, ACORDAR SEM DEPRESSÃO”

Minha secretária já tinha dito que, ao telefone, esta cliente insistia que precisava ser hipnotizada já na primeira sessão e que tinha ligado 3 vezes durante a semana para perguntar se eu tinha dado alguma resposta ao seu pedido. É claro que disse que falávamos na primeira sessão de avaliação.

A sessão começou e Laura (vou chamá-la assim) me cumprimentou e foi logo perguntando se ia ser hipnotizada. Pedi para ela se sentar e relaxar e expliquei que aquela sessão era apenas uma avaliação. Expliquei que jamais faço hipnose sem saber quem está sentada na minha frente e os reais motivos que a trouxeram a meu consultório.

Era visível a desilusão de Laura, mas eu estava muito confortável com a situação. Identifico clientes como a Laura, como pessoas que precisam de ajuda, mas estão em busca de algo que alivie suas dores como um passe de mágica.

Depois de explicar como eu trabalho e fazer uma breve apresentação sobre o método terapêutico da Terapias.Clinic®, Laura explicou que sofria de insónia desde que se separou do marido (4 anos atrás) e precisava, urgentemente, de resolver isso, mas nunca procurou ajuda.

Interessante é que, só depois de 4 anos sofrendo o problema, se tornou urgente e decidiu colocar toda a expectativa na hipnose mas, infelizmente, chegou ao meu consultório seduzida pela ideia de que eu a colocaria em transe em segundos e em 5 minutos ela estaria curada.

Expliquei a ela a diferença de hipnose (Show) e hipnoterapia (Clínica), falei também que sim, era possível entrar em transe em segundos e sempre digo que algumas pessoas entram em 30 segundos, enquanto outras em 30 minutos, mas a filosofia da Terapias.Clinic® não é aliviar dores emocionais, mas tratá-las.

Não criámos um método para servir como calmante ou como um penso que pode ser colocado na ferida e “parecer” que está tudo resolvido. Criámos um método, baseado na experiência de mais de 15 anos, minha e da Psicoterapeuta Paula Briani (minha esposa). Foram muitas noites acordados e muitos finais de semana fazendo formação para compreender o que deveríamos usar e o que deveríamos, jamais, usar com um cliente para obter resultados realmente positivos.

Dentro do nosso método, utilizamos, sim, técnicas rápidas como a PNL – Programação Neurolinguística, mas não para resolver i.s.o.l.a.d.a.m.e.n.t.e e, sim, dentro de um contexto terapêutico.
Se eu fosse resumir o meu trabalho parcialmente, eu diria que ouço atentamente o que o cliente me diz, presto ainda mais atenção no que ele não me diz, crio procedimentos sob medida para conversar com seu inconsciente (em Transe Hipnótico e ali faço uma investigação para saber a causa da queixa que ele me traz) e utilizo a PNL e outras terapias breves para resolver o problema.

E mais importante que isso é que treinamos nosso cliente para saber utilizar sua mente de forma que poderá, sempre que desejar, despertar seus recursos internos e buscar solução para seus problemas, não deixando eles se tornarem uma crença ou um bloqueio que, lá na frente, impedirão ele de viver melhor.

Mesmo explicando em detalhes tudo isso, Laura me diz que está em busca de algo rápido. Então eu afirmo que a Hipnose NÃO funciona para clientes que não estão comprometidos com seus resultados.

mulherNa minha visão (E deixo claro isso), a Hipnose é uma ferramenta terapêutica incrível e pode mesmo trazer resultados maravilhosos mas, como todas as ferramentas, deve ser utilizada com precisão e mestria, pois, quando usada de qualquer maneira, ela pode trazer consequências no futuro e tudo que não queremos é tampar a ferida hoje e, amanhã quando tirar o penso, descobrirmos que a ferida se tornou algo mais profundo, por falta de cuidados.

Arrisco a dizer que não podemos anestesias o problema apenas para aliviar o sofrimento de alguém hoje e, quando o efeito da anestesia passar, a dor ser insuportável, ao ponto de trazer outras feridas e deixar, impresso na mente, traumas.

Eu gosto da maneira que trabalho hoje.
Eu gosto de explicar tudo que vou fazer para meu cliente e amo quando ele compreende que tudo que fazemos é feito sob medida, dentro de um método flexível onde podemos até mudar as peças de lugar mas, jamais, alterarmos o resultado final. E este resultado deve ser extraordinário. Além de ajudá-lo a resolver seus problemas emocionais ele deve aprender a usar sua mente.

Quando inicio qualquer tratamento, minha meta final é que o meu cliente compreenda que o poder está com ele.

Ele sempre sai do meu consultório compreendendo que a mesma mente que criou o problema gerou a solução!

Hipnose é apenas um caminho… Um lindo caminho para nos conhecermos.

assinatura-3

Share