Insista e não desista. – 214/365

Esta semana um amigo me disse que anunciou por 30 dias uma palestra no Funchal e teve que cancelar, pois, se inscreveram apenas 4 pessoas. Ele ficou muito triste e já não iria mais apostar no Funchal e eu, como um bom curioso, perguntei porque ele desistiu na primeira investida e sua resposta foi espantosa: “Porque ficou claro que ninguém quer assistir às minhas palestras por lá!”

Vou voltar no tempo um pouquinho só!

Eu cheguei no Funchal em 2015 e lembro que a minha primeira palestra no Hotel Meliã tinha menos de 80 pessoas e quando subi naquele palco pela primeira vez, eu dei o meu melhor, falei, gritei, vibrei e arranquei aplausos das pessoas, porém sempre olhava para aquelas pessoas e imaginava que um dia multiplicaríamos, triplicaríamos aquele número e não teria vaga para me assistir. Em menos de 1 ano já colocávamos 500 pessoas ali dentro, sendo que algumas ficavam em pé.

Desistir nunca foi a nossa opção e sinceramente acima de tudo tinha uma equipa determinada, cheia de vontade de fazer acontecer e isso contou muito e me ajudou a conquistar aquele público, mas ele por ter apenas algumas pessoas nem pensou em mudar a sua estratégia ou se aliar a alguém local, ele simplesmente desistiu.

Não sei se ultimamente tem desistido de alguma coisa e sinceramente nem me importa a história que vai me contar para justificar a sua desistência! O que me importa realmente é convencê-lo de que a única maneira de se alcançar alguma coisa é insistindo, é continuar fazendo, é realmente manter-se no jogo.

Pode ser que este jogo precise ao longo do campeonato de estratégias novas, jogadores que o ajudem e até de uma injeção de motivação, mas vale aqui lembrar que o campeonato só pode ser ganho se houver pessoas insistindo para que tudo aconteça. A minha experiência diz que o dono do jogo, precisa se manter na liderança sempre, ou seja, ele precisa acreditar!

Insista de maneiras diferentes, mas insista, pois quando desiste está voltando no processo e precisa recomeçar tudo de novo e ficar recomeçando também cansa um pouco, né? Pensa um pouco sobre isso e quando estiver diante de uma situação que pareça difícil, saia de cena, respire um pouco, pense melhor, busque ajuda, (pause) tudo por alguns dias se for necessário, porém volte para o jogo com força total e aprenda a enxergar um pouco mais lá na frente.

Às vezes desistimos pelo imediatismo, pelo medo de dar errado, por acreditarmos que estamos diante de algo maior que nós, mas sinceramente, quando isso acontecer, pense no que realmente fez você começar tudo isso. Qual foi a (Força) que te motivou? Busque aí dentro, se fortaleça e faça acontecer!

Aproveite melhor as oportunidades que tem.

Share

139total visits,1visits today

Comments

comments